o dia em que eu dei suco pro neymar

o felipe odeia a aula de teatro. odeia grande, odeia hard, passa a aula inteira no canto sem participar.

atolada de coisas pra fazer, tirei o felipe da aula de hoje pra me ajudar.

ele nunca sorriu pra mim como sorriu ao me perguntar “eu vou voltar?” e eu responder “não, fê, hoje eu preciso da sua ajuda, você não vai voltar pra aula”. a gente nunca teve uma conversa tão longa e legal quanto a que tivemos enquanto ele fazia bolinhas de fita crepe para eu colar nuvens pintadas por eles na parede.

ainda li partes do livro sobre o neymar que ele levou pra escola. dei suco de uva pro neymar na hora do lanche. e aquela boquinha do felipe parecia que ia explodir de tanto sorrir.

por um dia criamos, felipe e eu, um universo paralelo em que ele pode sair das aulas que não gosta, eu leio livros em português e ofereço suco para capas de livros.

e parte do meu trabalho – fazer essas crianças se sentirem bem, confiantes e queridas – eu só consigo fazer quebrando as regras e rezando para ninguém da coordenação aparecer na hora que eu estou contando para o felipe que o pai do neymar também se chama neymar.

 

* os nomes das crianças são fictícios e o nome e localização da escola jamais são mencionados neste blog por questões de proteção à intimidade.

Anúncios

comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s